Blog

Ter planta em casa é sinônimo de vida e traz inúmeros benefícios para o lar! Além de deixar qualquer ambiente mais charmoso e aconchegante, elas ainda melhoram a qualidade do ar.

Se você mora em apartamento, existem muitas opções de plantas que podem ser cultivadas em ambientes com pouco sol e fechados. Mas, caso você more em casa e tenha espaço para um jardim e até mesmo para variar as espécies, existem ainda mais opções.

Com tantas plantas possíveis para se ter em casa, o primeiro passo é entender as características de cada uma e escolher quais melhores se adequam ao seu ambiente.

Na hora de escolher as plantas ideais para o seu jardim, existem alguns itens que devem ser analisados com atenção para garantir que seu cantinho verde fique sempre bonito, não basta só gostar visualmente daquela planta para escolhê-la.

A luz é um dos principais fatores vitais das plantas, sendo assim para escolher as espécies que pretende ter em seu jardim, analise a luminosidade do local, pois a luz interfere diretamente no desenvolvimento e sobrevivência das plantas.

Verifique se a área que pretende transformar em jardim recebe luz solar e durante quanto tempo por dia, isso vai determinar suas escolhas para o espaço.

Algumas espécies precisam de sol pleno para se desenvolver enquanto outras apreciam sombra e umidade. Por essa razão não dá para plantar no mesmo espaço uma planta de sol e outra de sombra caso seu jardim seja uma área mista oferecendo adaptação para diferentes espécies.

Outros fatores essenciais para serem verificados são o vento, temperatura e umidade do espaço. Avalie se as plantas ficarão expostas à chuva e se o espaço é mais frio ou calor.

Alguns jardins possuem cobertura, geralmente pergolados, que protegem as espécies da chuva e do vento, por exemplo. Caso o espaço do seu jardim seja totalmente aberto, algumas espécies podem não se adaptar já que em determinadas épocas do ano o frio e o vento são mais intensos. Sem contar que água em excesso pode ser muito prejudicial para algumas plantas.

Depois de observados esses itens diretamente relacionados aos fatores naturais, é importante entender qual sua disponibilidade para cuidar do jardim, pois de nada adianta escolher espécies lindas se não conseguir dar a manutenção necessária para que permaneçam assim.

Algumas plantas exigem menos cuidados e, caso você não disponha de tanto tempo para dedicar ao seu jardim, pode ser uma ótima opção de ter um espaço agradável e pouco trabalhoso.

Agora, se você realmente está disposto a manter um jardim, vale muito a pena abrir um espaço na sua agenda para cuidar das plantas. Esse pode ser o melhor remédio para a tumultuada vida moderna.

Separamos uma lista de plantas conhecidas que se adequam a cada situação:

  • Resistentes ao sol: Cactos, Suculentas, Yucca, Árvore-do-viajante.
  • Plantas para vasos e jardim vertical: Peperômia, Hera inglesa, Tostão, Renda Portuguesa.
  • Para jardim pequeno: Lança-de-São-Jorge, Buxinhos, Orquídea-bambu, Antúrio.
  • Jardim de inverno: Bromélia, Samambaias, Orquídeas, Pacová.
  • Resistentes à chuva: Moreias, Primavera, Orelha-de-elefante, Beijo SunPatiens.

E aí, curtiu essas dicas? Agora é só escolher as melhores opções para seu espaço e curtir muito uma casa cheia de cor e vida!

Deixe uma resposta