Blog

O sonho da casa própria é de muitos brasileiros, não é mesmo? Ter uma casa pra chamar de sua, com seu toque e gostos espalhados em cada canto dela é realmente uma meta deliciosa de se conquistar.

Para alcançar esse objetivo você e sua família podem percorrer diferentes caminhos, entre eles está construir seu próprio imóvel.

Ter a chance de construir o patrimônio da família e de alcançar mais segurança e estabilidade, principalmente em períodos turbulentos é um dos principais motivos que levam as pessoas a buscarem pelo imóvel próprio.

O que muita gente se pergunta é se vale mais a pena encarar uma obra ou comprar uma já pronta. Essa avaliação é muito pessoal e vai depender daquilo que você e sua família estão buscando.

Neste texto, vamos te mostrar quais as vantagens de construir sua casa.

Ao optar por essa alternativa, é possível construir um imóvel diferenciado, gastando menos e, o melhor, com ambientes personalizados e tudo de acordo com seus sonhos, desejos e estilo de vida. Para isso, é fundamental escolher um terreno que atenda às suas necessidades e depois disso, mãos à obra!

Mas afinal, quais as principais vantagens disso tudo?

  • Economia

Sem dúvidas a melhor parte quando se pensa na construção de uma casa é no custo benefício que ela terá. Em termos gerais, sai muito mais barato do que comprar uma casa pronta, apesar do tempo que você terá que dispor para se dedicar ao acompanhamento e decisões da obra.

Para construir, o proprietário costuma ter o poder de decidir e de negociar com os fornecedores e a mão-de-obra, escolhendo materiais que tenham um valor mais em conta, sem sacrificar a qualidade, ou ainda aproveitando promoções.  Além disso, quando um imóvel é revendido, ele precisa gerar lucro tanto para o construtor como para o corretor – e no caso de construir a sua própria casa não existem esses intermediários. Tudo isso faz com que os custos gerais se tornem menores.

Outra vantagem que gera economia para o imóvel é planejar tudo de maneira mais sustentável, oferecendo um benefício a longo prazo.

  • Qualidade e segurança

Ter a certeza de que tudo que tem na casa foi escolhido com muito cuidado e atenção gera uma segurança maior para o proprietário. Claro que muitos imóveis prontos possuem materiais de qualidade, mas ter o poder de escolha e do valor que se dá para cada material é bom demais.

Escolher produtos que ofereçam mais segurança e durabilidade para sua casa, principalmente aqueles que ficam “escondidos”, como itens de hidráulica e elétrica, oferecem a longo prazo uma manutenção e riscos menores, evitando gastos surpresa e dores de cabeça desnecessárias.

Construir sua própria casa te garante acesso aos fornecedores escolhidos, bem como saber exatamente onde os canos passam, quais as tomadas indicadas para determinados usos, e assim por diante, tendo a certeza de que seu imóvel terá uma alta durabilidade.

  • Patrimônio

Como falado, ter a casa própria vai muito além de um conforto momentâneo para sua família. Construir uma casa é construir um patrimônio.

Com a boa valorização de imóveis e a forte resistência deles em épocas de crise e incertezas, é a chance de ter sempre uma carta na manga se precisar, além de livrar o gasto mensal do aluguel.

Quando você constrói uma casa pensando nas necessidades da sua família, certamente atenderá às necessidades de outra família caso você pense em alugar esse local e gerar uma renda extra por mês, ou seja, além de construir um lar, você pode também estar construindo um belo patrimônio.

  • Personalização

Depois da economia, a grande vantagem de construir sua própria casa é poder personalizá-la do seu gosto e praticidade.

Isso significa poder escolher cada cantinho do seu lar, pensando, por exemplo, na quantidade e disposição dos cômodos, no estilo da planta, seja ela uma casa mais moderna, com conceito aberto ou uma casa rústica, por exemplo. Além disso, pode-se pensar na proporção do terreno, no posicionamento em relação à rua e ao sol e, claro, nos itens de lazer.

Pensar no seu estilo de vida e como usufrui dos espaços da casa, priorizando o espaço para lazer, se recebe muita visita, uma cozinha maior, se tiver gosto por se aventurar nas panelas, uma sala de tv, se sua família é cinéfila, entre outros gostos.

E a personalização não se prende apenas às questões estéticas. Você também poderá planejar, por exemplo, a quantidade e disposição de tomadas, pensando nos usos que você tem, nos tipos de eletros e outros equipamentos e nos hábitos da sua família.

Construir uma casa é refletir quem você é e como se relaciona com o mundo, trazendo mais aconchego e muito mais prazer em estar no seu lar.

Deixe uma resposta